Responsável técnico:

Prof. Adelmo Ferreira de Santana - Coordenador

O projeto de abelhas tem como meta a produção e vendagem de mel e seus derivados, seguido da capacitação de estudantes, técnicos e produtores, bem como a implantação da disciplina no currículo da escola e a utilização da apicultura como unidade didática, servindo de treinamento metodológico nas disciplinas Desenvolvimento e Extensão Rural.

Introdução

A Apicultura é uma das atividades rurais mais antigas e importantes do mundo, prestando grande contribuição ao homem através da produção de mel , da geléia real, do própolis, da cura, bem como à agricultura, pelos serviços de polinização, além de um trabalho técnico, pedagógico e de extensão.

O Brasil possui reservas florais que proporcionam milhares de toneladas de saboroso mel, de primeira qualidade, aceito pelo mercado mais exigente do mundo.

Histórico

Há várias ordens de insetos, descriminados pela forma das asas. Pertence às abelhas a ordem Hymenoptera, por possuírem dois pares de asas membranosas que no vôo se conjugam em um só par. E ao gênero Apis, abelhas com ferrão ou Melliferas.

Existem muitas raças ou sub-espécies de Apis mellifera, denominadas indiferentemente abelha-de ferrão, abelha do reino ou abelha-da-europa. Todas elas são originárias da Europa, da África ou da Ásia. As raças até agora introduzidas no Brasil foram:

  • Apis mellifera mellifera - Abelhas Alemãs (pretas)
  • Apis mellifera ligustica - Abelhas Italianas (amarelas)
  • Apis mellifera adonsonu - Abelhas Africanas (rajadas de amarelo)

As raças européias, as primeiras introduzidas no Brasil desde o século XIX, cruzaram-se entre si, produzindo uma população mestiça, embora européia de origem. A última raça a ser introduzida(1956) foi a Apis mellifera adonsoni: Tropical de origem, mostrou adaptação ao nosso ambiente, proliferando-se, cruzando-se com as abelhas-européias e dando origem à atual população mestiça e de muitas raças, mas com predominância de caracteres, tanto comportamentais como morfológicos, próprios das abelhas-africanas.

São tais abelhas, por essa razão denominadas africanizadas, motivo deste projeto.

Importância Econômica

A Apicultura técnica é uma criação relativamente crescente. O seu mais tradicional produto é o mel, de origem essencialmente vegetal. Resulta do néctar coletado e elaborado pelas abelhas. Temos ainda a geléia real, própolis (com suas notáveis propriedades farmacológicas), a cera e entre outros a intensificação da agricultura através da polinização apícola.

É uma atividade que não concorre com outra qualquer, seja no setor de produção seja no de consumo. A produção é obtida através do néctar e podem ser espontaneamente produzidas pela flora.

A Escola de Veterinária juntamente com a FAPEX, estão pondo à venda o mel produzido no Sistema de Criação de Abelhas.
Maiores Informações:
fone:(071) 3263-6700.


                                                                    

                                                             HOME   -    UFBA  -  LINKS  -  CONTATOS

                                                                                   Av. Adhemar de Barros, nº 500, Ondina

                                                                                                     Salvador, Bahia

                                                                                                   CEP: 40170-110